• Home
  • Opinião
  • Aspirador robot: o melhor assistente para o Lar
Aspirador robot: o melhor assistente para o Lar
Por Rui Bacelar

Aspirador robot: o melhor assistente para o Lar

PUB

O aspirador robot, ou aspirador inteligente, é um dos gadgets e produtos para o lar que recomendo vivamente. Tendo já testado produtos das melhores marcas de aspiradores robot como a iRobot (Roomba) e Xiaomi, pude aferir na primeira pessoa o real valor que estes produtos acrescentam ao nosso quotidiano.

Tempo de vida que não passamos a limpar a casa graças aos aspiradores robot

a room with a bunch of plates on the floor
Photo by Alexander Mils / Unsplash

A benesse da idade torna evidente o quão valioso o tempo (de qualidade) realmente é. Sucintamente, tempo que não passamos a limpar a casa, a aspirar o chão, é tempo que podemos dedicar à família, passatempos, ou a qualquer outra coisa que nos traga alegria e satisfação pessoal.

Os aspiradores robot são exímios neste mesmo propósito, manter a casa suficientemente bem limpa para que, só uma vez por semana, ou mês, necessitemos de pegar num aspirador de saco, ou vassoura e completar as lides domésticas.

Há, porém, vários fatores a ter em conta antes de comprar um aspirador robot, do orçamento às melhores marcas de aspiradores robot. Em seguida tentarei, na melhor das minhas falíveis capacidades, sumariar os pontos essenciais na hora da escolha e potencial compra de um novo aspirador inteligente.

  1. Orçamento. A gama de entrada, em 2024, estende-se até aos 250 € / 300 € consoante as marcas. Aspiradores de gama média já se estendem até aos 550 € caso tenham base de autoesvaziamento, por exemplo. Daí em diante temos todos os luxos dos produtos de gama alta. Em todo o caso, seja da Xiaomi, seja da iRobot, já posso recomendar produtos de gama de entrada em 2024.
  2. Aspiração e / ou aspiração + lavagem de chão. Todo o aspirador aspira, mas alguns também lavam o chão. Porém, nunca encontrei um que lavasse mesmo bem o chão, sendo mais um arrastar da mopa que um esfregar propriamente dito do mesmo. Há, porém, exceções cuja esfregona é rotativa, ou já vibra para tentar remover mais sujidade do chão. Ainda assim, a menos que no final o robot já consiga limpar a esfregona, não os considero muito úteis. Em suma, devemos dar prioridade à aspiração e respetiva potência de sucção.
  3. Potência de sucção - Aspiração - valor indicado por algumas fabricantes, por norma com o Pascal (Pa) sendo a unidade empregue. Atualmente encontramos, em qualquer segmento, modelos com 4 000 Pa, ou superior, garantindo uma boa potência na aspiração. Note-se que, marcas como a iRobot não especificam este valor, mas sem que tal seja uma preocupação de maior.
  4. Base (de autolimpeza). Em 2024 os melhores aspiradores robot fazem-se equipar com uma estação / dock ou base de autolimpeza capaz de esvaziar o depósito de resíduos sólidos do aspirador durante vários meses. Os modelos premium conseguem também lavar a própria esfregona e manter a mopa limpa entre sessões de limpeza. Digo-o por experiência, tornam muito mais cómoda a experiência de utilização destes produtos para o lar.
  5. Mapeamento. Em 2024 praticamente todos os aspiradores robot de gama média (e naturalmente de gama alta) têm um bom sistema de navegação reativo, com base em sistemas de laser (LiDAR), entre outros. Estes mesmos sensores permitem-lhe compilar um bom mapeamento do lar na aplicação de companhia e controlo para o nosso smartphone. Este mapa pode depois ser personalizado com Zonas Interditas, Zonas a limpar 2x, entre outros controlos.
  6. Autonomia: Atualmente é uma não preocupação. Os aspiradores robot, na esmagadora maioria, têm já o modo de regresso automático à base para carregar e recarregar no final e / ou a meio da sessão de limpeza.
  7. Construção e Qualidade: Marcas como a iRobot são um pouco mais onerosas, mas notamos a diferença na qualidade de construção e na facilidade com que se troca um módulo em caso de necessidade. Ainda que a maioria dos plásticos empregues sejam já perfeitamente robustos, caso falhe um motor ou módulo ao longo da vida útil do produto. O serviço pós-venda (a assistência técnica) também pesa aqui na equação.
  8. App de controlo / companhia. A maioria dos utilizadores usará a aplicação como principal meio de agendar a limpeza, controlar as sessões, ver as Definições do robot aspirador, entre outros pontos. É crucial que esta app seja otimizada para iOS e Android, simples e intuitiva para que qualquer utilizador possa tirar total proveito do seu novo aspirador robot. Se possível, descarreguem e experimentem a app da marca antes de comprar o produto.
  9. Manutenção Periódica. Seja semanalmente ou mensalmente - consoante tenham, ou não, base de autoesvaziamento - terão que limpar e cuidar do vosso aspirador inteligente. Nunca esquecer de limpar os sensores, esvaziar os respetivos depósitos para evitar sobrecarga e esforço dos motores, além de limpar o filtro (HEPA ou similar) para não restringir o fluxo de ar. A regra é simples, ao manter a máquina em boas condições maior será a sua vida útil.
  10. Preparação do espaço antes das sessões. Os melhores aspiradores robot têm já câmaras, IA e outros sensores que os ajudam a reconhecer e evitar obstáculos espalhados pela casa. Porém, não descurem este ponto. Seja um fio espalhado pelo chão, almofada, roupa ou tapete leve, evitem deixar estas "armadilhas" espalhadas pela casa para que o robot possa cumprir com a sua tarefa.

A melhor relação qualidade / preço em aspiradores robot

white and black device
Photo by Kowon vn / Unsplash

Apontar para os modelos de gama média é, regra geral, uma boa opção para garantir a melhor relação qualidade / preço. Temos, por exemplo, o iRobot Roomba Combo i5, bem como o Xiaomi Robot Vacuum X10, ambos com sérios argumentos para singrar em 2024.

Muitas outras marcas existem no mercado, mas são estas duas que me inspiram mais confiança, mormente por ter testado vários dos seus produtos. Em todo o caso, para quem procura algo mais em conta posso apontar os produtos da Cecotec com os seus Conga em múltiplas configurações em modelos. O mesmo se aplica aos produtos Eufy RoboVac que em si reúnem boa relação preço / qualidade.

Podemos - e devemos - também aqui considerar os custos de manutenção de um aspirador robot. Mais concretamente, os consumíveis e acessórios necessários. Por exemplo, a escova centralfiltros e escovas laterais são componentes que vais precisas de substituir eventualmente e convém apurar ao seu custo.

Em todo o caso, considero que os aspiradores robot são, efetivamente, uma dádiva moderna que nos ajudam a libertar precioso tempo de vida e isso não tem preço.

Por fim, ainda considerar os melhores aspiradores robot para quem tem animais de estimação, ou os aspiradores verticais, mas isso fica para a próxima semana.

Por Rui Bacelar profile image Rui Bacelar
Publicado a
Opinião Dicas Smart Home